Habitação

O plenário do prédio do Executivo ficou lotado de pessoas na manhã desta quinta-feira (24/01), quando a CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo) oficializou os endereços de 118 moradias populares do bairro Caraça mediante escolha dos contemplados com as casas em sorteio realizado em dezembro de 2017. Agora, estes contemplados devem aguardar comunicado da Companhia, responsável pela construção das moradias, informando sobre a data para assinatura de contrato e entrega das chaves.

Conforme a CDHU, dois contemplados não compareceram ao evento de escolha dos endereços, portanto, nestes casos, os endereços foram sorteados entre eles. Em maio do ano passado, foram entregues 106 unidades habitacionais também no bairro Caraça. Ao todo, o local abriga 224 casas populares, construídas pelo Governo do Estado. O investimento foi de R$ 19 milhões, sem nenhuma contrapartida por parte do município. 

“Este dia de escolha dos endereços é bastante especial, principalmente porque trata-se de um trabalho que começou em 2014, quando a Prefeitura de Capivari conquistou, junto ao Governo do Estado, o dinheiro necessário para a construção das casas, e que está tornando-se real. As obras demandam tempo e dinheiro, mas tudo está dentro do nosso cronograma”, falou o secretário municipal da Habitação, Arlindo Batagin Júnior, na abertura do evento desta quinta.

EMOÇÃO - “A emoção e a felicidade são para os contemplados com a tão sonhada e esperada casa própria e também para nós da administração pública, que cada vez mais batalhamos para proporcionar dignidade à sociedade”, afirmou o prefeito Rodrigo Proença.

Renata dos Santos Fernandes, 40, do lar, escolheu o endereço da moradia na manhã desta quinta ao lado do marido, o operador de máquinas Eduardo Cesar Fernandes, 37, e classificou a ocasião como “uma vitória”. “Aguardamos um local para chamar de nosso lar há 14 anos, desde quando casamos e tivemos de ir morar com o meu pai. Agora, tenho dois filhos que ainda moram comigo, então, ter essa casa própria significa tudo para mim”, disse ela, que atualmente reside no bairro Engenho Velho.

Quem também ficou contente ao escolher o endereço da casa no Caraça foi Irene Ferreira da Silva, 35, atualmente desempregada. Ela contou que tem seis filhos e que deseja uma casa própria há três anos. “Eu pago aluguel de R$ 800 e isso pesa no orçamento. Quando ouvi meu nome sendo sorteado, eu não acreditei. Estava muito ansiosa para escolher o endereço”, contou.

Outro que esteve no plenário para oficializar o endereço da casa foi o eletricista Jonas do Nascimento, 23. Ele estava acompanhado da esposa, a técnica de enfermagem Natália Cristina Oliveira, 26, e do filho, Plínio Peres Rosa, de um ano e três meses de idade. Desde que casaram, há três anos, moram em uma casa de aluguel no bairro São Pedro. “Estou bastante contente e não vejo a hora de nos mudarmos para algo, de fato, nosso”, comentou.

“Estamos rindo à toa. Parece um sonho e a ficha ainda não caiu. A emoção de escolher o endereço da casa da minha família é muito grande”, relatou o motorista aposentado José Geraldo Gomes, 51, que esteve no plenário do Executivo com a esposa, a costureira Ana Paula Frederico, 38, e a filha, Sophia Frederico Macedo, 5. Eles moram com o pai de Ana há sete anos, após união matrimonial.

 

Prefeitura de Capivari - 25/01/2019

Leia mais ...

Pagina 1 de 6

Newsletter

Joomla Extensions powered by Joobi
http://belekjet.com/ kostenlose sexfilme ankara escort ankaya escort gratis porno izmir escort mobil porno yerli porno rahibe porno porno izle rus porno film izle matcha premium amazon cevizi isve şurubu akiğer şurubu invinceable